Brasília está no top 10 destinos de turismo de arquitetura

Segundo o jornal britânico The Guardian, Brasília está entre os 10 melhores tours do mundo para os apaixonados por arquitetura.  Na lista também encontramos as formas de inspiração cubista e art nouveau de Praga, na República Tcheca, as formas art déco de Miami e até mesmo um tour por prédios-símbolo construídos no estilo New Khmer em Phnom Penh, no Camboja.

Em alguns trechos da matéria nosso inspirador arquiteto Oscar Niemeyer foi citado como o principal arquiteto da cidade.

“A construção de Brasília, capital brasileira e patrimônio mundial da Unesco, começou em 1956 – com a cidade rapidamente se tornando um marco na história do planejamento de cidades (…) Desenhada pelo urbanista Lúcio Costa e tendo Oscar Niemeyer como o principal arquiteto, a cidade é uma reverência ambiciosa ao princípio do movimento modernista, com prédios monumentais e layout simétrico”

Para os turistas que pretendem explorar um pouco mais da nossa arquitetura modernista, o Guardian recomenda um tour pela agência especializada Architetours, que tem uma duração de quatro horas com foco nos prédios distribuídos ao longo do Eixo Monumental.

Segundo o site da agência, o tour passa pelo Memorial JK, Congresso Nacional, Torre de TV, Catedral, Ministérios, Espaço Lúcio Costa, Palácios e Praça dos Três Poderes. O tour é oferecido em quatro línguas e permite até 20 pessoas, sendo a média de 200 euros (R$ 950) por pessoa.

materia5

Espaço Lúcio Costa

Acessórios que qualquer arquiteto gostaria de ter

Ser arquiteto não é fácil, mas que tal facilitar com alguns acessórios? Se você gosta de experimentar novas tecnologias, aproveite para acompanhar as novidades no mundo da arquitetura. Veja a lista com 3 acessórios dos sonhos para os arquitetos:

1- Smart Kit escrita da Moleskine

Esse incrível acessório revela uma forma única de manter as suas ideias ligadas com você que se move entre o analógico e digital. O Smart Writing Set permite escrever com as ferramentas que todos os arquitetos mais amam – caneta e papel – e suavemente digitaliza as suas notas tornando-o rápido e simples para editar, armazenar e compartilhá-los em seu telefone ou laptop. O sistema é constituído por três elementos – o Tablet Paper , a Moleskine Pen + eo Moleskine Notes App – que trabalham juntos para trazer uma praticidade e facilitar a sua maneira de trabalhar! Além disso tudo, as notas feitas durante uma reunião em seu caderno, pode ser enviada diretamente para a sua equipe por e-mail como um anexo de PDF.

SWS-webmagazine347x200.jpg-t=1459931434899 SWS-productivity-347x200.jpg-t=1459931434899 Moleskine-SWS_2_347x200.jpg-t=1459939993349Moleskine-SWS_4_347x200.jpg-t=1459931434899

2- The Cube

Já imaginou um projetor em miniatura? Pois é, ele existe! O Cube é um projetor que transforma um móvel ou parede em uma apresentação cinematográfica profissional em qualquer lugar.

pasted image 0 pasted image 0 (1)

3- Scribble Pen

A Scribble Pen é uma magnífica caneta com tinta tecnologicamente avançada que não desaparece e é resistente à água. Você pode facilmente transferir suas cores  personalizadas e cores capturadas em Photoshop ou CorelDRAW, para uso em todos os seus projetos.

pasted image 0 (2)

A Casa do Baile de Belo Horizonte

A Casa do Baile, inaugurada em 1943, faz parte do conjunto arquitetônico da Lagoa da Pampulha e é um dos ícones da arquitetura de BH. A casa foi criada na década de 40 pelo arquiteto Oscar Niemeyer, com o objetivo de entreter os moradores de Belo Horizonte com shows e jantares dançantes. Um dos maiores frequentadores do salão circular era o Juscelino Kubitscheck, prefeito da cidade. A Casa do Baile, localizada em uma ilha artificial e ligada à orla por uma ponte de concreto,  na época, era ponto de encontro da alta sociedade.

O projeto tinha como base um conjunto de edifício em torno do lago artificial da Pampulha:  a Igreja de São Francisco de Assis, a Casa de Baile, o Iate Tênis Clube, o Cassino (atual Museu de Arte da Pampulha) e a Casa Kubitscheck. Em 1946, houve a proibição de jogos de azar, com isso, o cassino foi fechado e o número de frequentadores começou a diminuir, refletindo nos outros edifícios.

Hoje, o Conjunto Arquitetônico da Pampulha foi aceito pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), como Patrimônio Cultural da Humanidade. Uma ótima dica de passeio para os turistas da cidade.

baile 1

baile3

baile4

baile2

Docomomo 6ªedição: Seminário sobre o movimento moderno

z1

Para os amantes de arquitetura, vem aí mais uma dica entre os dias 10 e 13 de agosto, acontecerá o 6° DOCOMOMO N/Ne – Seminário de Documentação e Conservação do Movimento Moderno Norte/Nordeste, organizado pela DOCOMOMO BRASIL e o curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal do Piauí (UFPI).

 

O DOCOMOMO (sigla referente a International Working Party for Documentation and Conservation of Buildings, Sites and Neigbourhoods of Modern Movement) é uma organização não-governamental que tem representação em mais de quarenta países, e tem o objetivo ligado à documentação e a preservação das criações do Movimento Moderno na arquitetura, urbanismo e manifestações afins. O principal foco do seminário tem como eixo temático: tectônica e lugar.

 

Arquitetos, historiadores e urbanistas estarão reunidos para discutir os princípios modernistas e a sua continuidade na contemporaneidade. O evento será realizado no Centro de Tecnologia da Universidade Federal do Piauí, e com certeza é uma ótima dica para entender um pouco mais sobre os encantos da Arquitetura Moderna.

 

Para mais informações, acesse o site: http://www.6docomomonne.org/